terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

Qualquer dia

Qualquer dia
De noite ou de manhã
De tarde ou de dia
Em qualquer rodovia

No mar
Numa ilha
Algum lugar
Algumas milhas

Para o vão não há tempo
Nos céus, o vento
Esperar é perder o momento
Percebi que não era de todo atento

Nem prazo, nem lugar
Sem nenhum engano,
Apenas quero estar
Com quem eu amo

Mateus
14/02/17

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2017

Acontece

Tudo acontece, às vezes de maneira ruim
Para nos darmos conta, de que nem sempre temos razão,
Muitas vezes há um fim
Para termos nossa própria conclusão

Para verdade ou para a mentira
Sempre há um endereço,
Às vezes cheio de ira
Às vezes cheio de apreço

Não sei quem tu és
Mas sei o que te devo,
Quase toda ou qualquer,
Rima que escrevo

Sobre ti eu penso, 
Não há como não ver
A todo momento
O que eu gostaria de ter

Você ao meu lado
É como uma esfera radiante
Sob o reflexo de um lago
Somos dois amantes.

Mateus
08/02/2017